Dica de filme: Ponte Aérea

25.1.17


Ultimamente, uma das coisas mais comuns que tenho visto entre amigos e conhecidos, são casais que namoram à distância. Ok, nem tão comum assim, mas é algo que tenho visto acontecer com uma frequência maior, depois que passei a fazer parte da FANFAB. Sempre me perguntei se vale a pena tentar algo assim, mais sério. Foi quando conversando sobre relações abertas e à distância, uma amiga sugeriu que eu assistisse Ponte Aérea, com Caio Blat e Letícia Colin.

Um voo do Rio de Janeiro para São Paulo tem seu curso desviado para Belo Horizonte, devido à forte chuva que castiga a capital paulista. Diante do imprevisto, os passageiros são hospedados em um hotel para que, na manhã seguinte, sigam para São Paulo. Entre eles estão o carioca Bruno (Caio Blat) e a paulista Amanda (Letícia Colin), que se conhecem no hotel. Após um rápido flerte, eles passam a noite juntos mas se desencontram no dia seguinte, já que Bruno pega um voo logo cedo. Já em São Paulo, ele a procura bem no dia em que é promovida na agência de publicidade em que trabalha. Aos poucos o sentimento entre eles se intensifica, mesmo que tenham que lidar com as dificuldades dos 432 quilômetros de distância entre as cidades que vivem.



Eu fui assistindo o filme e percebendo o quanto esse tipo de relação como a do filme vem se tornando difícil, pois mulheres como Amanda tendem a assustar rapazes como o Bruno (juro não soltar spoiler). Medo de mulheres seguras e independentes, medo da distância, medo das diferenças, medo do julgamento alheio. O filme é leve e ao mesmo tempo nos faz repensar nossas prioridades na vida, inclusive o excesso de trabalho quando se é jovem.

Confira o trailer:




Ponte Aérea

Lançamento: março de 2015 (Brasil)
Direção: Julia Resende
Elenco: Letícia Colin, Caio Blat, Emílio de Mello
Duração: 1h40min
Gênero: Drama, romance

Leia também:

0 comentário(s)

Receba as atualizações no seu email!

Seguidores